introdução

k

appstoreappstoreNo mapa interativo de Veneza, podem ser identificados pontos de interesse que testemunham as ligações que desde a Idade Média, a Serenissima e a Albânia mantiveram em uma relação de trocas comerciais e culturais, ligações que são expressas hoje na toponímia veneziana que o usuário poderá reconhecer no nome de muitos Calli difundidos em quase todos os distritos. Os vários ‘calli’ “dos Albaneses” enviam ao seu trabalho mais difundido, o relacionado ao têxtil: lavagem e tratamento da lã, sobretudo, como também de algodões e sedas. Não é por acaso que o topônimo “dos Albaneses” se encontra em áreas de artesanato têxtil no significado mais amplo. Se a têxtil foi a atividade predominante, ligada também à importação da Albânia de lãs e peles que foi constante nos séculos, a presença dos Albaneses em Veneza se encontra também em outras profissões, como: ferreiros, pedreiros, escultores, trabalhadores do vidro, comerciantes de tapetes. Outros pontos de interesse identificam as tão difundidas presenças históricas albanesas ou albanesas-turcas na cidade, testemunhadas hoje apenas pela documentação de arquivo. Estas informações foram extraídas da publicação Venezia e Albania: una storia di incontri e secolari legami (Veneza e Albânia: uma história de encontros e ligações seculares), realizada no interior do projeto AdriaMuse.

VeneziaAlbania Mobile Application

appstore

playstore